Olá meus amores tudo bem? quero iniciar esse post com um frase maravilhosa do Augusto Cury: "Apesar dos nossos defeitos, precisamos enxergar que somos pérolas únicas no teatro da vida e entender que não existem pessoas de sucessos ou pessoas fracassadas. O que existe são pessoas que lutam pelos seus sonhos desistem deles."

Que possamos lutar pelos nossos sonhos, todos somos capaz de vencer, deixe Deus reinar em sua vida e busque em você a força que ele te dar para conquistar.

Hoje vamos com mais uma resenha do livro Felicidade roubada do Augusto Cury.


 FICHA TÉCNICA
Livro: Felicidade roubada
Autor: Augusto Cury
Páginas: 189
Editora: Saraiva
Compre: Saraiva


 Sinopse


o que você faria se descobrisse que os seus maiores inimigos estão dentro de si? Conheça a história de Alan de Alcântara, um cirurgião austero, rígido e crítico, que jamais imaginou que atravessaria o caos psíquico. E atravesso. Mapear e domesticar os fantasmas da emoção foram os seus maiores desafios. Uma história de êxito, medo e renascimento.


Resenha

Felicidade roubada é um romance que foi inspirado em fatos reais. Nesse livro o autor conta a história de Alan de Alcântara um estudioso, perspicaz e respeitável neurocirurgião que dedica sua vida totalmente aos seus pacientes e deixa em segundo plano a sua. Teve uma filha do seu primeiro casamento a Lucila onde ela senti muito a ausência do pai, pois ele não tem tempo para outra coisa a não ser para seus pacientes. Ele é casado com Claudia uma mulher que o ama e lhe ajuda sempre que ele precisa, porém ela também senti a falta do seu esposo. O Neurocirurgião com o passar do tempo acaba adquirindo a síndrome do pânico acarretando assim várias situações constrangedoras que lhe faz deixar de executar o que mais lhe faz realizado na vida, seu trabalho.

Durante muitos anos Dr. Alan acabou passando por vários psiquiatras, alguns muito competentes, mas era um homem muito inteligente e se debatia, com dificuldade de se entregar a um tratamento. Até que Paulo de Tarso, um dos raros amigos que ainda visitavam Alan, inconformado com sua solidão, pediu que ele fizesse mais uma tentativas de tratamento com um profissional que conhecera recentemente. Alan não aceitou. Paulo insistiu por mais um mês até que o amigo foi momentaneamente vencido e cedeu aos seus apelos. 

Então Alan conhece Dr. Marco Polo e depois de vários debates sua vida começa a tomar um nosso rumo.



O que achei?

A história é fascinante,  podemos tirar grandes lições dos personagens. Uma linguagem suave e fácil, super recomendo a leitura.  

Finalizo meus amores, o que acharam? Já conhecia o livro? Deixem seus comentários, é sempre um prazer conversar com vocês. Bjssss



Embaixadora de Deus







Deixe um comentário